Temas Sociais - Injustiça na Repartição do Rendimento

QREN e PORTUGAL2020 Procurar Subscrição

O CAMINHO PARA A ESTAGNAÇÃO EM PORTUGAL: o emprego aumenta mas a produtividade por empregado diminui, o investimento (FBCF) inferior ao consumo de capital fixo, acionistas predadores, e a desigualdade na repartição do rendimento agrava-se

16 de setembro de 2018

EMPREGO, PRECARIEDADE E SALÁRIOS EM PORTUGAL

26 de maio de 2018

A REESTRUTURAÇÃO VIOLENTA E RÁPIDA DO MERCADO DE TRABALHO EM PORTUGAL, O AUMENTO DA PROLETARIZAÇÃO E DA PRECARIEDADE, E OS BAIXOS SALÁRIOS

11 de fevereiro de 2018

A POBREZA EM PORTUGAL É MUITO MAIOR QUE A DIVULGADA PELOS ÓRGÃOS DE INFORMAÇÃO E PELO GOVERNO

8 de dezembro de 2017

O SALÁRIO LIQUIDO AUMENTOU APENAS 2,1% ENTRE 2015/2017, ENQUANTO A RIQUEZA DOS “25 MAIS RICOS DE PORTUGAL” CRESCEU 26,9% ENTRE 2016/2017

28 de julho de 2017

O RENDIMENTO MÉDIO EM PORTUGAL TEM DIMINUÍDO E É APENAS 52% DA MÉDIA DA U.E., MAS O RENDIMENTO MAIS ELEVADO É 155 VEZES SUPERIOR AO MAIS BAIXO

1 de junho de 2017

A DESIGUALDADE NA REPARTIÇÃO DA RIQUEZA CRIADA ENTRE O “TRABALHO” E O “CAPITAL” AGRAVOU-SE MUITO EM PORTUGAL DURANTE A CRISE

2 de abril de 2017

PORTUGAL: um país onde se promove pensões e salários baixos

27 de dezembro de 2016

A DESIGUALDADE NA REPARTIÇÃO DO RENDIMENTO EM PORTUGAL É MUITO MAIOR QUE A REVELADA PELO INE , E FOI AGRAVADA COM O AUMENTO ENORME DO IRS DO GOVERNO PSD/CDS

10 de setembro de 2016

A AMPLIFICAÇÃO DA CHANTAGEM FEITA PELA C.E. E DO CLIMA DE MEDO EM PORTUGAL PELOS MEDIA E O AGRAVAMENTO DAS DESIGUALDADES NO PAÍS

17 de julho de 2016

EM 2015, AGRAVOU-SE A DESIGUALDADE NA REPARTIÇÃO DO RENDIMENTO EM PORTUGAL

31 de março de 2016

A QUEBRA DOS SALÁRIOS NOMINAIS E DOS RENDIMENTOS DAS FAMÍLIAS E O AGRAVAMENTO DAS DESIGUALDADES EM PORTUGAL

10 de agosto de 2015

A REPARTIÇÃO ENTRE O “TRABALHO” E O “CAPITAL” DA RIQUEZA CRIADA EM PORTUGAL

31 de maio de 2015

UMA POLITICA FISCAL QUE PROMOVA A REPARTIÇÃO JUSTA DA RIQUEZA

11 de abril de 2015

NA ECONOMIA REAL NÃO HÁ MILAGRES

23 de janeiro de 2014

O TRABALHO EXTRAORDIONÁRIO EM PORTUGAL É JÁ MAIS BARATO DO QUE O TRABALHO REALIZADO DURANTE O HORÁRIO NORMAL DE TRABALHO

20 de julho de 2013

POR QUE RAZÃO A RETENÇÃO DO IRS AOS TRABALHADORES DO SECTOR PRIVADO, AOS REFORMADOS E AOS APOSENTADOS AUMENTOU TANTO EM 2012?

26 de fevereiro de 2012

ESTÁ EM CURSO EM PORTUGAL UMA GIGANTESCA REDISTRIBUIÇÃO DO RENDIMENTO

22 de julho de 2011

APESAR DA CRISE, A PARTE DA RIQUEZA CRIADA PELOS TRABALHADORES EM PORTUGAL QUE NÃO REVERTE PARA O TRABALHO CONTINUA A SER MUITO ELEVADA

20 de setembro de 2010

PLANO DE AUSTERIDADE DO GOVERNO E DO PSD AGRAVA AINDA MAIS AS DESIGUALDADES EM PORTUGAL

11 de julho de 2010

PEC: 2010-2013 - O governo sacrifica o crescimento económico, o emprego e o nível de vida para reduzir o défice orçamental

14 de março de 2010

BENEFICIOS FISCAIS EM PORTUGAL- Quem é mais beneficiado ?

9 de setembro de 2009

AGRAVAMENTO DA REPARTIÇÃO DA RIQUEZA EM PORTUGAL NO PERIODO

12 de abril de 2009

A BANCA TEVE 2.051 MILHÕES € DE LUCROS EM 2008, PAGOU MENOS 318 MILHÕES € DE IMPOSTOS, O DÉFICE DISPARA PARA MAIS DE 5% DO PIB, MAS SÓCRATES DISTRIBUI MILHÕES DE € ÀS EMPRESAS “NEGOCIANDO” APENAS COM PATRÕES

27 de março de 2009

DESIGUALDADES AUMENTAM EM PORTUGAL: Pensão média da Segurança Social é apenas de 389 euros por mês enquanto a remuneração média dos executivos é de 798.822 euros por ano

19 de março de 2009

LUCROS DA EDP ATINGIRAM 1.212 MILHÕES € EM 2008, SENDO 316 MILHÕES € À CUSTA DE PREÇOS SUPERIORES AOS DA U.E. E DEN IMPOSTOS REDUZIDOS

6 de março de 2009

A BANCA SÓ NO PERIODO 2004-2007 NÃO PAGOU 1.563 MILHÕES DE IRC QUE DEVIA TER PAGO, E A TAXA DE ESFORÇO DAS FAMILIAS ATINGIU VALORES INCOMPORTÁVEIS

21 de junho de 2008

A REPARTIÇÃO DA RIQUEZA OBTIDA PELA BANCA EM PORTUGAL É CADA VEZ MAIS DESFAVORÁVEL PARA OS TRABALHADORES BANCÁRIOS E PIOR QUE NO PAÍS

11 de outubro de 2007

EM 2006, OS LUCROS DAS 500 MAIORES EMPRESAS AUMENTARAM 66,8% ENQUANTO OS SALÁRIOS DOS TRABALHADORES PORTUGUESES SUBIRAM APENAS 2,4%

6 de outubro de 2007

A RIQUEZA TRANSFERIDA PARA FORA DO PAÍS AUMENTOU 113% COM SÓCRATES DEVIDO AO CRESCENTE DOMINIO DOS GRUPOS ECONÓMICOS ESTRANGEIROS

25 de março de 2007

O AUMENTO DAS DESIGUALDADES EM PORTUGAL E A REDUÇÃO DAS PENSÕES DE REFORMA E DE APOSENTAÇÃO QUE O GOVERNO PRETENDE FAZER

25 de fevereiro de 2007

A PARCELA DO PIB QUE REVERTE PARA OS TRABALHADORES TEM DIMINUIDO EM PORTUGAL AGRAVANDO A SUA SITUAÇÃO E AS DESIGUALDADES

4 de fevereiro de 2007

DOIS PESOS E DUAS MEDIDAS NA LEI DO OE2007: -Tira a trabalhadores e pensio-nistas, mas mantém e até cria novos benefícios fiscais para uma minoria já privilegiada

17 de dezembro de 2006

AS GRAVES DESIGUALDADES NA REPARTIÇÃO DA RIQUEZA EM PORTUGAL

1 de outubro de 2006

BENEFICIOS E OUTROS PRIVILÉGIOS FISCAIS MANTÊM-SE NO ORÇAMENTO PARA 2006 DETERMINANDO ELEVADAS PERDAS DE RECEITAS PARA O ESTADO

7 de novembro de 2005

A BANCA PAGA METADE DA TAXA DE IRC, AS REMUNERAÇÕES DOS TRABALHADORES REPRESENTAM APENAS 30% DO “VAB” DO SECTOR, E FALTAM 530 MILHÕES DE CONTOS NOS FUNDOS DE PENSÕES

25 de setembro de 2005

INJUSTIÇA FISCAL, DÉFICE ORÇAMENTAL E A NECESSIDADE DE UM IMPOSTO SOBRE AS GRANDES FORTUNAS PORTUGUESAS

22 de maio de 2005

A PROPOSTA DE OE PARA 2005 AGRAVARÁ A INJUSTIÇA FISCAL E REDUZIRÁ O PESO DAS DESPESAS SOCIAS DO ESTADO NAS DESPESAS TOTAIS

28 de outubro de 2004

Estudos disponíveis nas seguintes áreas:

TEMAS ECONÓMICOS